‘BBB 24’: Família de Leidy Elin recorre à Justiça contra ataques racistas


Ataques online aumentaram após participante brigar com Davi, o favorito desta edição do reality show

Reprodução/GloboLeidy Elin (à dir.) chora após tomado uma bronca por jogar roupas de Davi na piscina
Leidy Elin (à dir.) chora após tomado uma bronca por jogar roupas de Davi na piscina

A família de Leidy Elin decidiu recorrer à Justiça após os ataques racistas que a participante do “BBB 24” vem sofrendo. Os insultos aumentaram na internet consideravelmente depois de um embate com outro participante do programa, Davi, que resultou na atitude de jogar suas roupas na piscina. O “brother” é o favorito desta edição do reality show. No programa, pouco antes da eliminação de Yasmin Brunet, Leidy levou uma bronca do apresentador Tadeu Schmidt pela atitude, ficou emocionada e caiu em prantos após o ao vivo. Segundo uma prima dela, os ataques têm afetado emocionalmente toda a família, segundo relato feito ao jornal carioca “Extra”. O processo legal já foi iniciado para responsabilizar judicialmente os autores. A equipe da “sister” destacou que os limites do jogo foram ultrapassados com os ataques racistas, que teriam aumentado “de forma absurda”. Além disso, houve uma mobilização para derrubar o Instagram da participante.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Algumas personalidades, como Giovanna Ewbank, se manifestaram contra os ataques racistas direcionados a Leidy. Ewbank ressaltou que é possível discordar das atitudes da participante sem recorrer ao racismo, lembrando que o “BBB” é um jogo e que o racismo é crime. Equipes de Raquele e outras participantes negras do programa também se posicionaram em solidariedade à estudante de direito.

Publicada por Felipe Cerqueira

*Reportagem produzida com auxílio de IA





Fonte: Jovem Pan

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.